Você está pronto para assumir o papel de cônjuges?

Indecisão

O compromisso do casamento importa em assumir o o papel de cônjuges e abrir mão do direito exclusivo ao seu próprio corpo e conceder esse direito a outro cônjuge.

Isso significa que o papel de cônjuges deve deixar de atender os desejos sexuais normais do outro.

Tais desejos dentro do casamento são naturais e providos por Deus, e evadir-se da responsabilidade maritais do outro cônjuge.

Que é é expor o casamento às tentações de satanás no campo do adultério:

‘’O marido pague à mulher a devida benevolência, e da mesma sorte a mulher ao marido’’. 1 Coríntios 7:3

Vejamos alguns aspectos para nosso estudo:

 O PAPEL DE CÔNJUGES NOS LAÇOS MATRIMONIAIS 

papel de cônjuges

Deus criou primeiramente o homem, vendo que não era bom que ele vivesse só, criou uma adjutora para viver ao seu lado, sendo companheira amável e ajudadora. Então qual o verdadeiro papel de cônjuges na sociedade moderna?

 Sabe o que isso quer dizer?

 Companheirismo e complementação mútua do casal: ‘’E disse o Senhor Deus: Não é bom que o homem esteja só; far-lhe-ei uma ajudadora idônea para ele’’. Gênesis 2:18

 Prazer amoroso do casal. Ec. 9.9: ‘’Goza a vida com a mulher que amas, todos os dias da tua vida vã, os quais Deus te deram debaixo do sol, todos os dias da tua vaidade; porque esta é a tua porção nesta vida, e no teu trabalho, que tu fizeste debaixo do sol’’. Eclesiastes 9:9

Desde o princípio, Deus estabeleceu o casamento e a família que dela surge, como a primeira e a mais importante instituição humana na Terra. A palavra de Deus diz em I Co. 11.11: “Todavia, nem o varão e sem a mulher, nem a mulher, sem o varão, no Senhor”.

Veja o artigo: “O papel do homem e da mulher no casamento cristão”

Preservação da pureza moral na família e na sociedade: ‘’Mas, por causa da fornicação, cada um tenha a sua própria mulher, e cada uma tenha o seu próprio marido’’. 1 Coríntios 7:2

 A imoralidade sexual é terrivelmente abominável diante de Deus. Mais do que qualquer ato pecaminoso, profana o corpo, que é o templo do Espírito Santo.

Por isso Paulo admoesta: “Fugi” da imoralidade sexual. Sabendo que o nosso corpo é morada pessoal do Espírito Santo, nosso corpo nunca de ser profanado por qualquer impureza ou mal, provenientes da imoralidade, nos pensamentos, desejos, atos, filmes, livros ou revista. Pelo contrário, devemos viver de tal maneira que glorifiquemos e agrademos a Deus em nosso corpo.

 QUAL O MARIDO IDEAL?

papel de cônjuges

Toda família necessita de um dirigente. Por isso, Deus atribui ao marido a responsabilidade de ser cabeça da esposa e da família. A responsabilidade do marido, que Deus lhe deu, de ser “cabeça da mulher” inclui:

1) Provisão para as necessidades, espirituais e domésticas da família:

‘’E à mulher disse: Multiplicarei grandemente a tua dor, e a tua conceição; com dor darás à luz filhos; e o teu desejo será para o teu marido, e ele te dominará’’. Gênesis 3:16

‘’No suor do teu rosto comerás o teu pão, até que te tornes à terra; porque dela foste tomado; porquanto és pó e em pó te tornarás’’. Gênesis 3:19

‘’Mas, se alguém não tem cuidado dos seus, e principalmente dos da sua família, negou a fé, e é pior do que o infiel’’. 1 Timóteo 5:8

2) O amor, a proteção, a segurança e o interesse pelo bem-estar dela, da maneira que Cristo ama a Igreja.

‘’Vós, maridos, amai vossas mulheres, como também Cristo amou a igreja, e a si mesmo se entregou por ela,

Para a santificar, purificando-a com a lavagem da água, pela palavra,

Para a apresentar a si mesmo igreja gloriosa, sem mácula, nem ruga, nem coisa semelhante, mas santa e irrepreensível.

Assim devem os maridos amar as suas próprias mulheres, como a seus próprios corpos. Quem ama a sua mulher, ama-se a si mesmo.

Veja o artigo: “Sentindo-se protegida pelo marido”

Porque nunca ninguém odiou a sua própria carne; antes a alimenta e sustenta, como também o Senhor à igreja;

Porque somos membros do seu corpo, da sua carne, e dos seus ossos... Efésios 5:25-33

3) Honra, compreensão, apreço e consideração pela esposa.

‘’Igualmente vós, maridos, coabitai com elas com entendimento, dando honra à mulher, como vaso mais fraco; como sendo vós os seus co-herdeiros da graça da vida; para que não sejam impedidas as vossas orações’’. 1 Pedro 3:7

4) Lealdade e fidelidade totais na vivência conjugal.

Eu, porém, vos digo, que qualquer que atentar numa mulher para a cobiçar, já em seu coração cometeu adultério com ela’’. Mateus 5:27,28

E QUAL A ESPOSA IDEAL?

papel de cônjuges

A esposa tem a tarefa, dada por Deus, de ajudar ao marido e submeter-se a ele “no Senhor”. Seu dever para com o marido inclui:

1) O amor:

‘’Para que ensinem as mulheres novas a serem prudentes, a amarem seus maridos, a amarem seus filhos’’. Tito 2:4

2) O respeito:

‘’Semelhantemente, vós, mulheres, sede sujeitas aos vossos próprios maridos; para que também, se alguns não obedecem à palavra, pelo porte de suas mulheres sejam ganhos sem palavra’’. 1 Pedro 3:1

3) A ajuda:

‘’E disse o Senhor Deus: Não é bom que o homem esteja só; far-lhe-ei uma ajudadora idônea para ele’’. Gênesis 2:18

4) A pureza:

‘’A serem moderadas, castas, boas donas de casa, sujeitas a seus maridos, a fim de que a palavra de Deus não seja blasfemada’’. Tito 2:5

5) A submissão:

‘’Vós, mulheres, sujeitai-vos a vossos maridos, como ao Senhor’’. Efésios 5:22

‘’Porque assim se adornavam também antigamente as santas mulheres que esperavam em Deus, e estavam sujeitas aos seus próprios maridos’’. 1 Pedro 3:5

Veja o artigo: “O que os maridos esperam das esposas?”

6) Um espírito manso e quieto:

‘’Mas o homem encoberto no coração; no incorruptível traje de um espírito manso e quieto, que é precioso diante de Deus’’. 1 Pedro 3:4

7) E o ser uma boa mãe:

‘’Para que ensinem as mulheres novas a serem prudentes, a amarem seus maridos, a amarem seus filhos’’. Tito 2:4

8) E a dona de casa:

‘’Quero, pois, que as que são moças se casem, gerem filhos, governem a casa, e não deem ocasião ao adversário de maldizer’’. 1 Timóteo 5:14

A mulher sabia e piedosa faz do seu lar um lugar de refúgio, de paz e de alegria. Ao passo que a mulher imprudente se descuida da sua casa e família. O papel de cônjuges é uma tarefa para ser levado a sério e não com brincadeira.

CONSIDERAÇÕES FINAIS:

papel de cônjuges

PROPÓSITO DA FAMÍLIA:

 Propagação, proteção e formação do gênero humano, através dos filhos, no lar:

 ‘’E Deus os abençoou, e Deus lhes disse: Frutificai e multiplicai-vos, e enchei a terra, e sujeitai-a; e dominai sobre os peixes do mar e sobre as aves dos céus, e sobre todo o animal que se move sobre a terra’’. Gênesis 1:28

Veja o artigo: “O segredo do casamento feliz”

Deus deu ao homem e a mulher o encargo de serem frutíferos, de dominarem sobre a Terra e o reino animal. Foram criados para constituírem lares para a família. Esse papel de cônjuges, leva a acreditar, que seja algo mecanizado, mas não é. Basta aplicar os princípios de cada um.

Esse propósito de Deus, declarado na criação, indica que ele volta-se para a família que o serve, e que a criação de filhos é algo de máxima prioridade no mundo. Então, como podemos descrever o papel de cônjuges, aplicado a sua vida, caso seja casado?

 Estabelecimento de novos lares, isto é, novas famílias:


Mateus 19:5
E disse: Portanto, deixará o homem pai e mãe, e se unirá a sua mulher, e serão dois numa só carne?

CONCLUSÃO

Os jovens que pensam em casar-se, devem considerar qual será o caráter e influência do lar que vão fundar.

Antes de assumir as responsabilidades que o matrimônio envolve, o moço e a moça devem estar preparados para enfrentar os deveres e fardos da vida e papel de cônjuges.

Um lar só poderá ser próspero se ambos estiverem preparados espiritualmente. Através do casamento “no Senhor” o mundo pode ver o relacionamento entre Cristo e sua Igreja.

Pense nisso e siga em frente!

Se você gostou deste artigo, curta ou compartilhe no facebook, clique aqui embaixo e deixe seu comentário

 

 

Seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário...

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.