Orando pelo seu cônjuge

Existe muitos casamentos que são um desastre tudo pela falta de oração do parceiro e em nossas vidas, dedicam-se  a continuar orando por vários tipos de assuntos, menos pelo cônjuge

Mas percebe que não oramos pelo nosso parceiro, e nem pela vida espiritual dela!

Conhecemos o poder que a oração tem em um casamento, e quando o amor é substituído pelo frio silêncio, tudo fica mais difícil.

Não é pequeno o número de casais que despreza a oração diante dos problemas do cotidiano.

Alguns buscam refúgio, socorro em tudo e em todos, menos em Deus.

Neste artigo, iremos abordar os perigos que a falta de oração individual e coletivo pode causar na vida de um casal.

Meditemos em algumas considerações sobre o assunto:

A CHAVE DA RESTAURAÇÃO É  ORANDO PELO CÔNJUGE.

orando

Será que quando tudo está dando errado, Deus observa e não faz nada? Ele não repara as coisas que acontece no seu casamento? Orando pelo parceiro, tudo mudará.

É claro que Deus não só vê como também ouve e estende a mão. A Palavra de Deus diz em Isaías 59.1: ‘’Eis que a mão do SENHOR não está encolhida, para que não possa salvar; nem agravado o seu ouvido, para não poder ouvir’’.

Veja o artigo: “Porque os casais não se entendem?”

Sendo assim, Sua poderosa mão está estendida para socorrer qualquer pessoa e Seus ouvidos atentos esperando sua oração para operar o milagre.

O grande problema é que esperamos a mudança no cônjuge, sendo que o correto é orar para que Deus nos dê a atitude correta no coração e a capacidade de respeitar o parceiro em qualquer circunstância.

COMO MUDAR ISSO ENTÃO?

orando

Em seu best-seller, The Power of a Praying Wife, Stormie Omartian nos conta suas experiências sobre como a oração transformadora pode entrar em um casamento. Neste livro que fala do poder que há na vida de uma esposa que ora, ela escreveu:

Comecei a orar todos os dias pelo Michael (seu marido), como nunca havia orado antes. No entanto, a cada oração, eu tinha que confessar a minha própria dureza de coração. Mais tarde, percebi como estava magoada com ele e quanto rancor guardava.

Não quero orar por ele. Não quero pedir que Deus o abençoe. Só quero que Deus lhe mande um raio (lhe soa familiar?) e lhe prove como tem sido cruel, eu pensava. Tive que dizer muitas e muitas vezes: “Deus, eu confesso o meu rancor em relação ao meu marido. Livre-me deste rancor”.

Veja o artigo: “O segredo do casamento feliz”

Mais tarde, percebi como estava magoada com ele e quanto rancor guardava. Não quero orar por ele. Não quero pedir que Deus o abençoe.

Só quero que Deus lhe mande um raio (lhe soa familiar?) e lhe prove como tem sido cruel, eu pensava. Tive que dizer muitas e muitas vezes: “Deus, eu confesso o meu rancor em relação ao meu marido. Livre-me deste rancor”.

Perguntava-lhe o que poderia fazer para melhorar as coisas. Ele me mostrava. A ira do meu marido foi se tornando cada vez menos frequente e de mais curta duração. A cada dia, as orações construíam algo positivo.

Se você não tem certeza de como começar a orar pelo seu casamento, aconselho que siga o exemplo de Stormie, começando a orar como ela. Orando sem parar, para que o casal vença as adversidade. 

ORAR É UMA QUESTÃO DE ESPIRITUALIDADE

orando pelo parceiro

Então, peça fervorosamente a Deus que dê ao seu marido a coragem, e a você a sabedoria, para saber como incentivá-lo nesta área.

Não, estou falando de um casal que se coloca de joelhos, os dois juntos, perante o trono dos céus, e assim cada um abre o seu coração diante do Deus do universo. A atitude de orar juntos desta maneira costurará os dois corações como nada mais poderá fazê-lo.

Se você nunca orou com o seu marido, comece com orações simples, curtas, e peça a Deus que lhes mostre como crescer nesta área em unidade.

Não estou falando das orações padrão, aquelas que são decoradas. Não, estou falando de um casal que se coloca de joelhos, os dois juntos, perante o trono dos céus, e assim cada um abre o seu coração diante do Deus do universo.

Veja o artigo: “Como ter uma boa convivência no casamento”

A atitude e orando juntos desta maneira costurará os dois corações como nada mais poderá fazê-lo. Se você nunca orou com o seu marido, comece com orações simples, curtas, e peça a Deus que lhes mostre como crescer nesta área em unidade.

Se o seu marido se sente desconfortável orando em voz alta, então comece perguntando se vocês poderiam ajoelhar-se juntos e orar em silêncio.

Todas as pessoas parecem estar procurando uma alma gêmea. Ouço falar de muitos casais que se separam porque decidiram sair e encontrar as suas almas gêmeas.

Minha amiga, o ato de um casal orar junto transformará o seu relacionamento e fará das dois verdadeiras “almas gêmeas”. Não quero fazer promessas neste livro, mas esta eu faço sem reservas: um casal que ora unido, permanece unido.

CONCLUSÃO

Vimos neste artigo que a chave para a restauração do casamento é em primeiro lugar a oração e em segundo a atitude de mudar.

Que possamos aprender a construir um alicerce sólido para a estrutura de nosso casamento, para que o Senhor conclui essa obra em nós.

Pense nisso e siga em frente!

Se você gostou deste artigo, curta ou compartilhe no facebook, clique aqui ou deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.