Não quero ser super-herói

super-herói

O quão bom seria se eu fosse um super-herói: poder me recuperar rapidamente de uma ferida e ter poderes especiais.

Quem nunca sonhou na infância em ser um super-herói, em ter grandes poderes, derrotar grandes inimigos e poder voar?

Os poderes são o que normalmente entendemos como o fator determinante para tornar um personagem “super”.

Mas com crentes em Jesus, muitas vez precisamos ligar contra as forças do mal, e usar os super poderes da graça de Deus.

No entanto, com toda a sinceridade, este sonho de criança já se desfez em mim a muito tempo. Cheguei à conclusão: EU NÃO QUERO SER SUPER-HERÓI! Então o que sou afinal? uma pessoa forte ou um ser natural?

Vejamos alguns aspectos para o nosso estudo de hoje:

SUPER-HERÓI NÃO VIVE PELA GRAÇA DE DEUS

super-herói

Eu não quero ser um super-herói: o que quero é ser aprovado por Deus quando sou provado pelo fogo das tribulações.

Quero ser moldável como um vaso nas mãos do oleiro e amar a Deus, não pelo que Ele pode me dar, mas pelo que Ele é.

Eu não quero ser um super-herói: o que quero é permanecer fiel a minha esposa, aos votos que fiz um dia no altar de amá-la, respeitá-la e ser fiel na alegria e na tristeza, na saúde ou na doença, na fartura ou na pobreza. 

Eu não quero ser um super-herói: o quero é influenciar os meus filhos para servir e amar o Deus que eu amo.

O cristão precisa saber o que  o que significa santidade.

Não importa se meus filhos serão algum dia líderes ou pastores na igreja. 

O que me importa é que eles sejam cristãos sinceros e que façam diferença neste mundo cheio de enganos.

Veja o artigo: “Jovens cristãos despertando para o evangelho”

Eu não quero ser um super-herói: o que eu quero é ser fiel em minha vocação de servir a Deus como um pastor, sendo um exemplo para as minhas ovelhas e não usando de minha autoridade para dominá-las.

Eu não quero ser um super-herói: o que eu quero é ter poder para carregar a minha cruz, negar a mim mesmo e vencer o maior gigante que conheço; aquele que está dentro de mim; meus desejos, minha carne, meus impulsos.

Eu não quero ser super-herói: o que eu quero é ser um discípulo de Cristo, ganhador de almas; porque antes mesmo de ser pastor, sou ovelha.

Eu não quero ser super-herói: o que eu quero é viver na GRAÇA de Deus.

CONCLUSÃO

Devemos depender somente do poder e graça de Deus, é Ele que dá superpoderes para caminharmos na sua presença maravilhosa.

A única coisa que peço a Deus, é cria em mim uma coração puro e santo, para contemplar a Sua formosura e poder

Pense nisso e siga em frente!

Se você gostou deste artigo, curta ou compartilhe no facebook, clique aqui embaixo e deixe seu comentário

 

 

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.