O que fazer quando o marido de uma nova convertida não quer regularizar a união?

marido

Quando uma mulher comprometida em um relacionamento sério se converte e seu marido não vive o mesmo momento espiritual que ela, alguns conflitos podem surgir.

É muito comum a mulher se converter para que, então, os dilemas e adversidades começarem.

Muita vezes, essas situações surgem como provações, como formas de afirmarmos nossa e permanecermos firmes em Deus.

Por isso, é muito acontecer esse tipo de situação assim que nos convertemos.

No caso da conversão de apenas uma das partes, é natural pensar que conflitos ocorrerão com o outro, ainda mais quando o casamento não foi realizado para regularizar a união.

O QUE FAZER QUANDO A MULHER SE CONVERTE E O MARIDO NÃO?

marido

A situação de novos convertidos é sempre complicada. Romper com a vida que tinha anteriormente, renunciar a tudo para viver a palavra de Deus, é uma decisão que pode, inicialmente, gerar conflitos.

No caso da mulher se converter e o homem não, podemos aprender com Provérbios 14:1 o seguinte: “A mulher sábia edifica a sua casa, mas a insensata, com as próprias mãos, a derriba”.

Da mesma maneira, lemos em 1 Timóteo 3:11 o seguinte: “Da mesma sorte, quanto a mulheres, é necessário que sejam elas respeitáveis, não maldizentes, temperantes e fiéis em tudo”.

Veja o artigo: “Dúvidas sobre jugo desigual”

Isso não se dá com discussões, brigas ou ameaças, mas muitas vezes apenas o silêncio, oração e jejum. Na medida em que o marido observar a mudança na mulher, perceberá que algo mudou nela e, logo, desejará que a mesma mudança aconteça com ele.

Sendo respeitável, temperantes, fiéis em tudo e deixando de maldizer, permanecendo sempre em oração por seu marido. 

Se ele a amar, verá a melhor decisão a ser tomada: a de regularizar a união por meio do casamento.

Acima de tudo, a mulher nessa situação deve ter em mente a palavra de Rute 3:11, que diz:

“Agora, pois, minha filha, não tenhais receio; tudo quanto disseste eu te farei, pois toda a cidade do meu povo sabe que és mulher virtuosa”.

E O QUE FAZER QUANDO O MARIDO SE CONVERTE E A MULHER NÃO?

marido

Quando a situação é a oposta, outras medidas podem ser pensadas. A bíblia fala muito sobre questões matrimoniais e a relação entre homem e mulher.

Em Efésios 5:25 o apóstolo Paulo faz uma das maiores exortações aos maridos com relações às suas esposas:

Maridos, amai vossa mulher, como também Cristo amou a igreja e a si mesmo se entregou por ela”.

Ainda, em Colossenses 3:19, lemos o seguinte: “Maridos, amai vossa esposa e não a trateis com amargura”. Sendo assim, a melhor maneira de demonstrar a mulher sua mudança em Cristo e tentar convencê-la.

O marido deve amar a mulher como Cristo amou a Igreja.

Ou seja, tendo sido o amor de Jesus tão grande que deu a vida por sua própria amada Igreja, da mesma maneira deve prosseguir o marido.

Veja o artigo: “O que você pensa sobre casamento cristão?”

Em 1 Coríntios 7:12-14, lemos o seguinte: “Aos mais digo eu, não o Senhor: se algum irmão tem mulher incrédula, e esta consente em morar com ele, não a abandone; e a mulher que tem marido incrédulo, e este consente em viver com ela, não deixe o marido.

Porque o marido incrédulo é santificado no convívio da esposa, e a esposa incrédula é santificada no convívio do marido crente […]”

CONCLUSÃO

Logo, o mais importante de tudo é continuar, no amor, o convívio com o cônjuge e, com o tempo, tentar convencê-lo a legalizar a união.

O testemunho, oração e jejum, acima de tudo, são as chaves para pedir a Deus que este milagre se realize em sua casa.

Desistir, jamais, sempre perseverando na , na esperança e no amor.

Espero que tenha ajudado!

Se você gostou deste artigo, curta no Facebook ou compartilhe, clique aqui embaixo e deixe seu comentário.

6 Comentários

    • Olá a paz de Cristo,

      Bom, a conclusão foi bíblica, porque a Bíblia aconselha a usarmos o amor, como arma para as pessoas verem a acescência do evangelho. Todos nós sabemos que é muito difícil quando ocorre essa situação, mas o que precisamos fazer é incentivar a continuar na fé, que um dia o milagre vai acontecer.

      Muito obrigado pelo seu comentário

    • Olá Eduardo a paz de Cristo

      Obrigado pela sua pergunta. O que quero dizer em regularizar a união, é sobre o marido que não se converteu e a sua parceira, recém-convertida resolve se casar. Mas ele não quer o casamento, o que fazer?

      Foi este o significado

      Espero que tenha respondido a pergunta

  1. Conheci uma irmã que ficou nesta situação,de esperar,morreu amigada,e ai,e agora,pela Palavra,continuavam em Fornicação.
    Eos fornicários não herdarão o Céu,como pode ensinar um parecer desses com tanta segurança/

    • Olá a paz de Cristo Cristina,

      Primeiramente gostaria de agradecer pelo seu comentário, porque cada pessoa tem um ponto de vista específico e respeitamos todas as opiniões.

      Bom, o que posso dizer é que a Palavra de Deus condena a fornicação e tais não herdarão o Reino de Deus, conforme escrevi no artigo. Mas Deus conhece o coração de cada um. Existem muitas mulheres que são cristãs, mas o marido não quer casar, o que a Igreja deve fazer neste caso? Acolhe-la com amor e continuar orando pela conversão do marido.

      Espero que tenha ajudado

      att

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.