Fatos sobre os sinais dos tempos

Relâmpago

Com certeza a conversão é diária, mas sabendo da urgência dos sinais dos tempos, passamos a vigiar mais como diz os evangelhos, e passamos a apressar a evangelização.

A atual era da Igreja, em que os crentes vivem hoje, não tem uma cronologia profética específica.

No entanto, o Novo Testamento dá características gerais que descrevem a era da Igreja.

Até mesmo profecias específicas cumpridas durante a era da Igreja estão relacionadas ao plano profético de Deus para Israel e não diretamente para a Igreja.

Por exemplo, a destruição profetizada de Jerusalém e seu Templo em 70 d.C. é relativa a Israel (Mateus 23.28; Lucas 19.43-44; 21.20-24).

A era da Igreja não é caracterizada por eventos proféticos historicamente verificáveis, exceto seu início no Dia de Pentecostes e seu fim com o Arrebatamento.

 Vejamos alguns aspectos para o nosso estudo de hoje:

SINAIS DOS TEMPOS REPRESENTAM UM MARCO EM ISRAEL

sinais dos tempos

Existem muitos sinais dos tempos relacionados ao programa divino do fim dos tempos para Israel.

No entanto, devemos ter cuidado com a maneira como os relacionamos a nós hoje durante a era da Igreja.

Já que os crentes de hoje vivem na era da Igreja, que terminará com o Arrebatamento da Igreja, sinais proféticos relacionados a Israel não são cumpridos nos nossos dias.

Veja o artigo: “Entendendo o cálculo do número da besta”

Ao invés disto, o que Deus está fazendo profeticamente nos nossos dias é preparando o mundo ou “montando o cenário”

Para a hora em que Ele começará Seu plano relacionado a Israel, que envolverá o cumprimento dos sinais e dos tempos.

Um indicador importante de que provavelmente estamos próximos do começo da Tribulação é o fato evidente de que a nação de Israel foi reconstituída depois de quase 2000 anos.

A verdade, é que o tempo da volta do Senhor Jesus  Cristo está chegando.

O QUE SIGNIFICA ‘’MONTAR O CENÁRIO’’?

sinais dos tempos musica

A atual era da Igreja não é uma época em que a profecia bíblica está sendo cumprida.

A profecia bíblica está relacionada com um período depois do Arrebatamento (o período de sete anos da Tribulação).

Porém, isto não quer dizer que durante a atual era da Igreja, Deus não esteja preparando o mundo para esse período futuro – na verdade, Ele está.

O Dr. John Walvoord explica:

Mas se não há sinais para o Arrebatamento em si, quais são as fontes legítimas que levem a crer que o Arrebatamento esteja próximo desta geração?

A resposta não é encontrada em nenhum dos eventos proféticos previstos antes do Arrebatamento mas no entendimento dos eventos que seguem ao Arrebatamento.

Veja o artigo: “O relógio de Deus não para!”

Assim como a história foi preparada para a primeira vinda de Cristo, ela está sendo preparada para os eventos que levam à Sua Segunda Vinda…

Sendo assim, isto leva à conclusão inevitável de que o Arrebatamento pode estar inevitavelmente próximo.

A Bíblia fornece profecias detalhadas sobre os sete anos da Tribulação.

Na verdade, Apocalipse 4-19 oferece um esboço detalhado e ordenado dos participantes e eventos principais.

CONCLUSÃO

A grande tribulação é um evento que acontecerá em breve, como um dos acontecimentos dos sinais dos tempos.

Jesus é o nosso Salvador e nada impedirá o seu propósito, decorrente do prêmio que traz para os filhos de Deus.

Você faz parte deste plano e nada neste mundo tirará o sei garladão.

Pense nisso e siga em frente!

Se você gostou deste artigo, curta ou compartilhe no facebook, clique aqui embaixo e deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário...

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.