É certo cobrar para se apresentar na sua Igreja?

pegar dinheiro

Todo ano é a mesma coisa, quando programamos um evento para comemorar o aniversário da sua Igreja, começamos a pensar em quem iremos chamar para cantar ou pregar e quanto eles irão cobrar

Mas o grande problema é o valor cobrado pela apresentação. E caso seja famoso, a situação se complica ainda mais, porque a sua Igreja é pequena e os recursos escasso.

Jesus nunca cobrou para pregar às multidões, e assim deixou-nos a preciosa lição de que aquilo que recebemos de graça, devemos dar de graça também

É claro que há alguns textos que enfatizam a necessidade de se sustentar os obreiros e muitos chegam a cobrar até 15 mil reais para pregar em uma só noite!

É com essa corja infeliz que eu vocifero minha repulsa e desafeto.

Então vem aquela pergunta em nossas mentes: é certo cobrar perla apresentação na sua Igreja?

Vejamos alguns aspectos para estudo:

QUANTO VALE UM LOUVOR? COBRAR É NECESSÁRIO?

cobrar

Quanto vale um louvor? Esta pergunta tem muitas respostas e argumentos, mas será que realmente é necessário cobrar uma quantia exorbitante para louvar o nosso Deus.

Certo empresário foi perguntado via telefone, por quanto custaria para que determinado Ministério comparecesse a um evento que será realizado em uma Igreja Igreja.

Veja o artigo: “Quem Deus quer para seu louvor?”

A reação do contratante foi de espanto, indignação – poderia usar muitas outras expressões – e irritado com o absurdo que ouviu.

Ele teve a coragem de falar que o Ministério está “bombando”, uma expressão maravilhosa para quem se propõe a representar um Ministério de Louvor.

“fica em R$ 5.000,00 todo o grupo, técnicos e transporte”.

Isso mesmo – vou escrever por extenso para que vocês não duvidem – cinco mil reais.

Será que eles estão achando que é um grande show, com milhares de pessoas.

E que cada vez mais eles vão ficar conhecidos.

E famosos, e dar cada vez autógrafos? Será essa a intenção?

Veja o artigo: “Quando perdemos a adoração, o inimigo se aproveita?”

Dessa forma agiria com sensatez e assim cresceria espiritualmente, sendo assim estariam ajudando aqueles que,

Por muitas vezes, só não conseguem atingir mais vidas por não terem esse tipo de ajuda.

Aproveitando quero dizer que o empresário em questão ainda faz uma promoção, isso mesmo, leve dois e pague o segundo com desconto.

Vou explicar, é que um levita – para não usar a expressão cantor – empresariado por ele, vai lançar seu Cd um mês antes do nosso evento.

Então para aproveitar a carona do Ministério que seria contratado, nós pagaríamos a passagem dele mais R$ 1.000,00, a título de despesa (“cachê”). Quando li isso fiquei espantado mesmo!

O QUE ESTAMOS VIVENDO HOJE

cobrar para cantar nas igrejas

É uma pena vermos que o nome do Senhor está sendo usado para promover eventos, cantores (levitas), bandas (ministérios) e até igrejas, como vemos por aí – lembrando que haverá no Maracanã o evento Show da Fé -.

Veja o artigo: “Quais os caminhos para a adoração verdadeira?”

Desde de quando a fé faz show? O máximo que podemos dizer é que sermos cheio do Espírito Santo é “show”,

O nome do Senhor é algo maravilhoso, apenas soletrar o nome dele é algo que devemos fazer com respeito, admiração, amor.

E muitos outros sentimentos que traduzam a Paz que Ele nos dá.

CONCLUSÃO

A ministração da Palavra de Deus por meio da música, não pode ser um meio de explorar as Igrejas e os irmãos.

Sabemos que nada é de graça e que os instrumentos e transportes, saem caro, mas não é para tanto!

Pense nisso e siga em frente

Se você gostou deste artigo, curta ou compartilhe no facebook, clique aqui embaixo e deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.